Os os comandos fazem parte do sistema operacional de um computador, e é por isso que, desta vez, mencionaremos quatro deles e o que você deve saber sobre eles.

comando sudo iscsi

A primeira coisa que você deve saber é que para usar este comando é importante instalar o pacote completo.

Agora, levando em consideração que todos os comandos servem como uma pequena instrução para o sistema operacional funcionar corretamente; Também é importante conhecer os detalhes de cada um.

Neste caso a instalação e configuração do comando iSCSI no Linux não é muito complicada. Você só tem que fazer o seguinte:

  • Você deve confirmar o iscsi-Initator-utils, e certifique-se de que mapeador de dispositivo-multipah também está instalado.
  • A próxima coisa que você precisa fazer é conectar-se à instância do Linux por meio de um cliente SSH.
  • Então você deve continuar instalando o multipath e o cliente iSCI, usando o comando: sudo yum install -y device-mapper-multipath iscsi-initiator-utils

Lembre-se de que o multipath deve ser instalado somente se você deseja fazer failover entre cada um dos servidores de arquivos.

Se for esse o caso e você deseja que a resposta não demore tanto, a primeira coisa a fazer é definir o valor do tempo limite no /etc/iscsi/iscsid.conf, com o valor de 5 e não usando o valor padrão de 120.

  • Agora, comece a inicializar o iSCSI, com o comando: sudo systemctl iniciar iscsid
  • É importante verificar a versão do Linux instalada em seu dispositivo, pois outro dos comandos que você pode usar é o seguinte: sudo systemctl iniciar iscsid. Isso é apenas no caso de o acima não funcionar.
  • Tem a possibilidade de verificar se o serviço está a funcionar na perfeição, colocando o comando de: sudo systemctl status iscsid.service, O sistema deve responder imediatamente a você.

Configurar o iSCI no Linux

  • Caso o desejo seja realizar um failover automático, é importante configurar o multipathing, sendo utilizado o seguinte comando: sudo mpathconf --enable --with_multipathd e
  • A próxima etapa é determinar o nome do iniciador do host Linux com o seguinte comando: sudo cat /etc/iscsi/initiatorname.iscsi

Comando sudo isblk-fm

Este tipo de comando é utilizado para ordenar as informações dos dispositivos em blocos, que podem ser discos rígidos, cd-roms, entre outros. Basta colocar o que aparece na imagem de referência:

Ao colocar este comando, todas as partições dos discos que estão dentro do sistema operacional aparecem imediatamente. Geralmente, faz-se referência a três discos: dois internos que são o sda e o sdb, e o externo que seria o sdc.

Com este comando você ainda tem a oportunidade de verificar seu tamanho, ou qualquer outro dado que seja do seu interesse.

sudo fdisk -I Comando

É um comando bem conhecido porque lida com classificar toda a tabela de partições de discos do sistema operacional. É muito fácil de consultar, basta colocar tudo o que aparece na imagem que lhe deixamos, abaixo:

Esta é mais uma forma de conhecer toda a informação sobre as partições e discos que estão integrados no sistema Linux.

Comando df -h

O comando df é o especializado para ver todo o espaço ocupado ou livre no sistema de arquivos. Para conhecer todos esses dados, é importante realizar todos os comandos mostrados na imagem a seguir:

Os comandos mencionados neste artigo não são os únicos que funcionam perfeitamente para conhecer as informações e dados encontrados nos diferentes discos e partições. No entanto, eles são um dos mais importantes, por isso, hoje eles foram mencionados.

Por Escrita